Manifestantes desocupam triplex atribuído a Lula após pedido da PM

Militantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MTST) e da frente Povo Sem Medo desocuparam o triplex atribuído ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Guarujá (SP), após cerca de quatro horas de negociação com a Polícia Militar nesta segunda-feira (16).

De acordo com informações do G1, os protestos começaram por volta das 8h30. A PM afirma que os militantes danificaram o portão do estacionamento e pularam as grades para entrar no Condomínio Solaris. Por isso, o incidente será registrado em Boletim de Ocorrência. Com informações, Notícias ao Minuto.