Notícias

EBC começa a distribuir em setembro obras do Prodav TVs Públicas


A partir de 18 de setembro, a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) distribuirá às televisões públicas – universitárias, comunitárias, educativas e culturais – as obras do Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Audiovisual Brasileiro (Prodav) TVs Públicas. Na terceira edição do programa, foram produzidas 75 obras produzidas nas cinco regiões do país, que somam 238 horas de conteúdo.

Desse total, 46 são documentários, 15 são animações e 14 obras são de ficção. Voltados para todos os públicos, os programas foram escolhidos em janeiro de 2020, com o primeiro edital de seleção sendo publicado em março de 2018.

Para terem acesso aos conteúdos, as emissoras públicas deverão formalizar a adesão ao Prodav TVs Públicas por meio da Central de Atendimento da EBC, no endereço http://atendimento.ebc.com.br/atendimento/. A televisão pública interessada deverá assinar o termo de adesão, fazer o cadastro e encaminhar os documentos comprobatórios pela Central de Atendimento. Caso a documentação esteja completa, será disponibilizado login e senha para acesso aos conteúdos.

O Prodav TVs Públicas é uma parceria entre a Agência Nacional do Cinema (Ancine), Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e a EBC para incentivar a produção de conteúdo regional e independente e também a oferta para as emissoras públicas de televisão.

A EBC tem a responsabilidade de acompanhar o processo de produção dos conteúdos audiovisuais, validar tecnicamente as produções em conformidade com as normas técnicas da empresa e distribuir os programas às televisões públicas que aderirem ao projeto.

A primeira edição do Prodav TVs Públicas foi lançada em 2014. A segunda edição ocorreu em 2015; e a terceira, em 2018. Além da EBC, da Ancine e do BRDE, o programa tem apoio da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura, da Associação Brasileira de Televisão Universitária (ABTU) e Associação Brasileira de Canais Comunitários (ABCCOM).

Mais informações podem ser obtidas na página da EBC dedicada ao Prodav.

Por Agência Brasil

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo