Notícias

Radiogência estreia segunda temporada do podcast Histórias Raras


A Radioagência Nacional estreou nesta semana a segunda temporada do podcast Histórias Raras

No quinto episódio da série, os repórteres Leyberson Pedrosa e Patrícia Serrão conversam com pessoas que tiveram o diagnóstico de alguma neurodivergência depois de adultas. No capítulo Raros e nada típicos, Alana Yaponirah e Fábio Cizotti relatam o baque de se descobrirem com cérebros atípicos após os 40 anos.

Alana é terapeuta, divorciada, mãe de dois filhos e tem Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH). Em 2022, a Lei 14.420 instituiu a Semana Nacional de Conscientização sobre o TDAH. As ações de conscientização devem ocorrer sempre na semana que abrange 1º de agosto.

No caso de Alana, apesar dos sintomas começarem ainda na infância, o diagnóstico chegou depois de uma vida típica, cheia de altos e baixos. Por isso, Alana nos ajuda a entender o impacto do diagnóstico tardio de uma neurodivergência.

Já Fábio Cizotti descobriu, em 2021, que tinha a Síndrome de Tourette durante um evento sobre doenças raras. Essa comorbidade neurológica gera tiques motores e vocais involuntários. Além de não ter cura, parece não ser tão rara assim. Saiba o porquê ao longo do episódio.

Ouça o episódio #5 Raros e nada típicos:

 

Por Agência Brasil

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo